Vendas de sondas da Petrobras pelo governo, o Medo é mais prejudicial do que a corrupção investigado

Um leilão de ativos da Petrobras, organizado pelo governo de Michel Temer (PMDB), que tem o apoio do PSDB, vai ser mais prejudicial para o negócio de uma década de corrupção na empresa. Enquanto a Operação Lava Jato descoberto taxa de cerca de 0,5% a 3%, a venda de sondas pelo atual governo pode gerar uma perda de 95%, de acordo com o alerta, a Federação dos Petroleiros. Consulte a nota abaixo:

“É no mínimo suspeito o leilão internacional de que a Petrobras anunciou para doar a concorrência de sete sondas de perfuração. Pela bagatela de us$ 40 milhões, os gringos vai ser capaz de tirar a P-59 e P-60, que tem custo de estado$ 720 milhões. O lance mínimo estipulado pelos gestores é a 5,6% do valor original destas unidades, que foram adquiridos há apenas cinco anos. Quatro outras sondas não ter o mesmo o preço mínimo.

Além de dilapidar o patrimônio da Petrobras, a atual diretoria está comprometendo-se a especialização da empresa em uma atividade onde ele sempre foi um líder. O setor de perfuração e o inquérito está a ser completamente dissolvida, bem como outras áreas estratégicas da empresa. Um desmonte que tem sido implementada nos últimos dois anos, com a hibernação das sondas que agora vai ser doado para o mercado.

Tudo isso com o consentimento do diretor de Exploração e Produção, Solange Guedes, funcionário de carreira da Petrobras, que veio para o cargo no governo do PT, através de um projeto que salvou a empresa no limbo de privatização e sucateamento do legado do PSDB.

Enquanto ela e o resto da diretoria fazer o jogo dos golpistas, a empresa gasta mensalmente milhões com o chamado flotéis e alugueres de sondas,sub-contratadas, cujos valores tendem a aumentar nos próximos anos. É um contrassenso gestores desfazerem unidades quase como a P-59 e P-60, que poderiam ser deslocadas para essas atividades, gerando economia para a empresa.

Estamos diante de um crime que não é apenas financeira. O que está em jogo é também a perda da reserva de conhecimentos que os petroleiros que levou décadas para se desenvolver e que é transmitida de geração para geração. Para dispor de todas as suas plataformas de perfuração, a empresa está jogando no lixo a excelência que sempre teve nesta atividade. Se, em poucos anos, a necessidade de esses profissionais, você vai ter que investir anos em formação.

A Petrobras está sendo esquartejado em praça pública, o petróleo estrangeiro com antecedência como abutres sobre o seu património, e de Pedro em relação comandos show, vendido no mercado. O cidadão brasileiro precisa entrar em cena e mudar o curso da história, antes de a tragédia ser comprometida.